Brigas nos bastidores das séries

209 Visualizações Deixe um comentário

Todo mundo sabe que nos bastidores de Hollywood muitos atores já se estranharam, mas brigar durante a filmagem de um longa é bem diferente do que ter diferenças ao longo da produção de um seriado, que muitas vezes é feito durante anos.

Se em um ambiente de trabalho normal às vezes precisamos engolir algum sapo ou relevar algo para não entrar em atrito, muitas vezes os atores não pensam igual e falam sem papas na língua. Várias brigas acontecem por ego, ou pela competitividade que os próprios atores tem uns com os outros. Mas trabalhar com pessoas sempre é complicado, não importando a sua profissão. O motivo é bem simples; somos todos diferentes, não pensamos igual e fomos criados de maneiras distintas. Por isso o que pode ser normal para mim pode não fazer o mesmo sentido para você.

Esse fórmula aplicada em um grande número de pessoas, caso de uma equipe de produção, por vezes não dá certo e aí atores se estranham ocasionando até a dispensa do outro.

O primeiro caso aconteceu em uma série clássica dos anos 90. Quem nunca assistiu Um Maluco no Pedaço? Série que lançou a carreira de Will Smith, atualmente um dos grandes atores de Hollywood. Pois bem, na série Will contracenava com vários atores, entre eles Janet Hubert, a tia Vivian, mas eles não se davam tão bem assim fora das telas. Tendo sido filmada ao longo de seis anos, esse tempo todo não foi o suficiente para os atores se entenderem.

Hubert alegava que Will era egocêntrico e imaturo, e o fato dele ser um ator iniciante e já ganhar o papel principal a incomodou. Mas a atriz tinha uma relação complicada com a produção também, o que aconteceu depois de sua primeira gravidez, já que ela não podia alterar a aparência durante as filmagens. Sendo assim no final da temporada ela foi demitida e substituída, mas até hoje alega que o motivo foram as brigas constantes com Will Smith.

Um seriado que também foi palco de brigas de egos foi Glee. As atrizes Lea Michele e Naya Rivera se desentenderam porque, segundo Rivera, Lea tinha constantes ataques de estrelismo no set, o que a tirava do sério. Já Lea estaria ficando irritada pelo destaque cada vez maior que a personagem de Rivera estaria tendo.

Em Grey’s Anatomy, uma das séries mais famosas até hoje, não poderia ser diferente, afinal as filmagens acontecem desde 2005. Uma das brigas mais famosas aconteceu entre Patrick Dempsey e Isaiah Washington. Os atores teriam discutido em alto e bom som, porque Washington teria dito, se referindo ao personagem de T.R Knight, George, que não era sua bichinha em uma das cenas. Dempsey tomou as dores do colega e aí você já viu. Washington acabou por ser despedido.

Gossip Girl tratava de fofocas e intrigas, mas parece que em seus bastidores as coisas não eram tão diferentes. Aparentemente as protagonistas Blake Lively e Leighton Meester não eram tão amigas quanto suas personagens. Mesmo as atrizes desmentindo publicamente qualquer possível briga, por trás da câmera diziam que o estranhamento de ambas eram pontuados por ciúmes e brigas de ego, especialmente durante as últimas temporadas.

Outra briga que aconteceu, na verdade foi mais um ressentimento, foi entre Sophia Bush e Chad Michael Murray de One Three Hill. Os atores foram casados de 2005 a 2006, mas o casamento não acabou bem, já que Sophia teria descoberto uma traição de Murray. Bom, o resultado não poderia ser outro, ambos se evitavam no set de filmagem, o que aconteceu durante uma temporada inteira, obrigando os produtores a usarem dublês de corpo nas cenas em que protagonizariam juntos. Uma trégua entre eles só foi acontecer na quinta temporada.

Por último, mas não menos importante, uma das maiores e mais queridinhas séries da atualidade também foi palco de uma briga. Em Two and a Half Men, Charlie Sheen acabou brigando com o criador Chuck Lorre, o que levou a substituição do ator por Ashton Kutcher. Tudo teria começado após Lorre fazer uma piadinha durante os créditos da série, afirmando que ficaria chateado se morresse antes de Sheen, que tem um história com drogas e álcool.

O ator não teria gostado do comentário e falou mal do diretor publicamente algumas vezes, inclusive soltando ofensas bem pesadas. Mas quando ele disse que Chuck Lorre estava na mão dele foi a gota d’água, o que causou sua demissão. Além disso Sheen também havia pedido nada menos que cinco bilhões de dólares por episódio, o que era impensável para o estúdio. Mesmo com a entrada de Kutcher no papel principal não teve jeito, a série foi de mal a pior e acabou por ser encerrada.

Como você pode ver as aparências enganam e a guerra de egos por trás das câmeras ocasiona várias brigas. Como nem tudo são flores, cada profissão tem seu ônus e seu bônus, os atores e atrizes enfrentam uma competitividade enorme para conseguir entrar e se estabelecer nesse mercado. Mesmo assim o resultado que conseguem ter na frente das câmeras continuam nos entretendo e nos fazendo amar as histórias. Mas torcemos para que a paz se instaure nos sets de filmagem, afinal ninguém merece trabalhar com climão.

Biografia do Autor

Lakini Suryana

Fanática por Harry Potter, mas publicitária e fotógrafa de formação. Trabalho com comunicação e encontrei na escrita uma das maneiras de me expressar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *